Arquivos corrida - Débora Fernandes
Atividade FísicaBoa Forma

Emagrecimento – Atividade Física – Antes e Depois

28.04.2017

A superação e a luta contra a balança. A prova de que, se quisermos, conseguimos! 18kg off!

Minha busca por uma vida saudável.

 

Olá, meninas! Fui convidada pela Débora Fernandes para contar um pouquinho da minha história de superação e busca pelo emagrecimento. Ainda falta muito para chegar ao meu objetivo, mas quem disse que seria fácil?

Sou a Marcia Bueno, tenho 37 anos e sou professora de Língua Portuguesa.  Minha vida sempre foi adjetivada por “a gordinha”, pois nunca fui magra. Quando pequena já me frustrava quanto a isso, as amiguinhas com lindas roupas que caíam super bem nelas, já eu… Vocês imaginam… Mas comer era tão bom! Acompanhava a todos na mesa, nunca fui aquela criança que precisou que insistissem para se alimentar, ao contrário, minha mãe tentava restringir algumas alimentações – eu achava isso uma maldade pura! (rsrs)

Quando adolescente também sofria muito com o bullying e até mesmo pensava que me achavam a pior amiga do mundo, simplesmente em razão da minha constituição física; minha mente me dizia isso e eu acreditava.

Mas nunca deixei de encontrar a felicidade em outras formas de pensar, o fato de ser gordinha passou a ser aceito por mim, pois acreditei que jamais conseguiria mudar essa situação. Claro que, ainda assim, tentava várias dietas milagrosas e por falta de sorte, talvez, nunca recebi o tal milagre: eram dietas da lua, da sopa, da melancia (rsrs). Até medicamentos tomei, não aconselho ninguém a cometer tal loucura, porque depois, o peso voltou e em dobro. Eu precisava era mudar meu pensamento, deixar de “pensar gordo” e me dar conta de que seria capaz de mudar, sim! Mas com reeducação alimentar e atividade física. (Mas quem conseguia colocar isso na cabeça da maluquinha aqui!?)

Após meus 25 anos, o diabetes tipo 2 “me pegou”! E com ele, os altos níveis de colesterol e triglicerídeos. Mas “ia levando” assim mesmo. Não dava muita importância, pois havia medicamentos. Os tomava e seguia a viver com lanches, refrigerante, batata frita (minha paixão! ). O tempo foi passando e foi quando, no início de 2016, comecei a passar mal, ter tonturas, visão turva e dores no corpo. Procurei auxílio médico e o resultado foi que eu estava com altíssimo grau de triglicerídeos (mais de 1100) e os altos índices de glicose também estavam “me atacando” cada vez mais.

Foi quando o médico falou: – Marcia, se não te cuidar, terás um ataque cardíaco ou AVC a qualquer momento, tuas veias estão “se entupindo” de gorduras! – Foi a gota d´água! Me assustei tanto que resolvi seguir as instruções de como melhorar a minha saúde, o que ouvia há anos e não dava importância.

Academia? Nunca fiquei mais de 1 mês em alguma! Emagrecer? Capaz que eu conseguiria! Já tinha me conformado que era genético ou que era meu destino! Caminhar? Era cansativo!

Mas eu precisava fazer algo!

Então foi com o apoio de minha cunhada, amigas e parentes que resolvi mudar minha vida! Procurei uma academia e comecei a mudar minha rotina alimentar.  E acreditem! Eu não sabia fazer um agachamento! Correr? Bem capaz! Não corria nem atrás do ônibus! (rsrs)

Após 6 meses de academia e reeducação alimentar já eram 10kg a menos! Que vitória!  Nossa! Eu posso, eu vou conseguir. (Pensei…). Após 9 meses de academia, já consegui correr 1,5km (mais ou menos) e sem “morrer sem ar”. E mais alguns quilinhos já estavam em off!

Márcia durante o processo de emagrecimento.

Mais um antes e depois da Márcia!

Hoje, já faz 1 ano e 4 meses que mudei de vida.  Com alimentação saudável e acompanhamento da nutricionista (sim, pois o efeito platô “me pegou” e quase caí em depressão desistindo de tudo! Daí que procurei auxílio da nutri. Mas isso é outro assunto que poderei também falar aqui em outra oportunidade.). Agora já são 18 quilos a menos, me livrei dos 3 medicamentos para o diabetes que tomava, minha glicose está controladíssima! Minhas taxas de colesterol e triglicerídeos também normalizaram e minha autoestima… Ahhh! Isso não tem dinheiro que pague!

E sem esquecer que agora já consigo correr 11km (sem caminhar no percurso) e ainda com fôlego e sem pedir ajuda de uma ambulância! (rsrs)

Da esquerda para a direita, Márcia, prof e personal trainer Taimar Marinho, prof de Zumba Marcely Mendes e as colegas de corrida.

Galera da academia Mundo Fitness.

Claro que não teria chegado aqui sem o apoio de muita gente, profissionais da academia; nutricionista (pois a busca de auxílio alimentar pela internet já estava me deixando com mais dúvidas que certezas, outro assunto que podemos conversar em outra oportunidade); marido que entrou na luta comigo (também emagreceu 20kg já, mais que eu! rsrs); e a Jaqueline Vargas, (colunista aqui do blog) minha profe de treinos e corrida! Minha fonte de inspiração e prova de superação!

Antes e depois da Márcia e seu esposo!

Ainda tenho muitos quilinhos para mandar embora, sei que a cada dia meu metabolismo entra em guerra comigo e a luta se torna mais árdua!  Que por muitas vezes me desespero pela demora dos resultados (mesmo sabendo que 37 anos de quilos adquiridos não serão abandonados em pouco tempo). Mas quem disse que eu gosto de facilidades? Seguirei firme e forte rumo ao pódio de minha vida! Rumo a minha festa de 100 anos, com saúde e ainda treinando. (rsrs)

Nós podemos mudar, basta querer!

Ah! E sobre o adjetivo “gordinha” que falei anteriormente, ainda vou mudar essa história! A magrinha chegará logo, logo!

Beijos da Márcia😘

Postado por

Débora Fernandes

Atividade FísicaBoa FormaOutros

Treino intervalado = para que serve?

28.07.2016

E aí atletas do meu coração!!!!!!!!!!!!!! Estão aproveitando as férias de julho???? Sim, eu sei, muitos não têm férias, só os filhos que têm, mas já conversamos sobre domínio do tempo, né????

Então! Postei fotos fazendo meu treino intervalado, e daí me perguntaram do que se trata isso e para que serve!

Por isso hoje vamos falar sobre os intervalados!!!!

PicMonkey Collage

O treinamento intervalado se refere às sessões de exercícios intermitentes, onde se combina intervalos curtos de alta intensidade com períodos longos de recuperação. É o que nós (corredores) chamamos de “tiros”.

Um exemplo seria correr 200m em 17seg por 10 vezes com um intervalo de descanso após cada execução. A recuperação normalmente você faz em trote.

Normalmente é indicado para quem já está em nível avançado, mas hoje tem se aplicado essa alternância de ritmo a iniciantes para a melhora do condicionamento.

Os benefícios deste treinamento, embora muitas vezes o volume seja pequeno, podem produzir adaptação aos exercícios contínuos mais prolongados e de intensidade moderada. Isso significa que seu corpo se acostuma a correr em uma velocidade maior, melhorando sua performance.

Simplificando, o objetivo do intervalado é te ajudar a melhorar seu tempo em determinada distância, ou seja, melhorar sua performance. Um exemplo seria você querer correr 5km em 25min. Então você poderia aplicar o intervalado da seguinte forma: 5 tiros de 1km em 5min, por um descanso programado, ou por determinado tempo, ou controlando seus batimentos cardíacos, daí dependemos de um monitor cardíaco!

O ideal para este treinamento é escolher um local adequado, com piso regular, bem marcada a distância, o ideal seria uma pista de atletismo. Porém, podes adaptar teu treino para outro local. Eu marquei pelo meu GPS a metragem do tiro, e fiz na orla da praia aqui em BC, mais precisamente na ciclovia. Como tinha pouco movimento foi tranquilo, mas temos sempre que pensar nisso, porque na velocidade podemos “atropelar” as pessoas! Hhaahahahahahahah

Antes de iniciar o ideal é fazer um aquecimento, porque os tiros requerem maior explosão muscular, e se o músculo não tiver bem aquecido aparecem aquelas coisas chatas que acabam com a nossa vida chamada “lesão”!!!!!!

Depois do treino desaqueça, fala mais um trote ou caminhada! E depois? Descanse e se recupere para o próximo treino!

Só não abuse, os intervalados não devem ser feitos todos os dias, por isso que é importante ter um treinador, um educador físico para te ajudar a programar teus treinos e encaixar o intervalado na tua planilha!

Porém….. hahaaha sim, tudo tem um porém! Os treinos intervalados podem parecer lindos, pessoas “saradas” correndo rápido, depois trotam, e você quer aderir! No entanto, esses treinos são desconfortantes, cansativos, extenuantes. Tudo porque você sai da zona de conforto, o que é necessário para ter os benefícios deste treinamento, então este é o principal motivo para você conversar com teu treinador antes de incluí-lo na tua planilha!

No meu treino a gente periodiza o treinamento em fases, e agora estou na fase onde entram os queridos intervalados! Sério, no dia seguinte ao intervalado o cansaço é punk! Tipo meu cérebro quer correr, mas meu corpo quer dormir hahahahaahaha…. maravilhoso isso!!!!!!!!!

Mas se eu penso em desistir??? JAMAIS! AMO CORRER! AMO SOFRER! Isso é o que eu sou!!!!!

Sabe porquê? Porque a distância entre o sonho e a realidade se chama disciplina!

Bora treinar minha gente!!!!!!!!!!!!! Podem me mandar o que tem feito! E se inscrevam na nossa newsletter para acompanhar o que rola aqui!!!!!!

Desejo um finalzinho de semana com muita corrida, beijinhos da Jaque!!!!!!!!! Meu insta AQUI 😀

Postado por

Débora Fernandes

Atividade FísicaBoa FormaOutros

Domine o tempo, pratique atividade com regularidade e tenha resultados!!

14.07.2016

Oieeee!!!!!!! Fala a verdade, com aquele veranico todo mundo já teve mais vontade de ir pra rua, não é?! Já se torna mais fácil seguir dieta, treinar e tudo mais, porque isso tem gostinho de verão, e ele (o verão) já está chegando aí!

Mas eu sei que tem muita gente desanimada aí…. reclamando que não tem tempo, se programando para começar na segunda-feira, ou só daqui algum tempo, arrumando as mais diversas desculpas…

Daí tem gente que com aquele calorzinho já retornou pra academia, outros calçaram o tênis e bora correr!!!!!!!! Que legal, acho ótimo, #SQN. Sabe porque? Porque muitos vão aproveitar aqueles quatro ou cinco dias se exercitando e daí, PÁ… volta o frio, chuva, e tudo para, e junto vem as reclamações: não consigo emagrecer nunca, não consigo correr “x” quilômetros, ou baixar o tempo, e por aí vai… e aí, quem vamos chamar para responder… Eu, o Chapolin… hahahahahaa não!!! Mas eu tenho a resposta pra você!

Infelizmente tenho que ser chata, porque para qualquer objetivo, do emagrecimento à performance, tudo começa pela boca, ou seja, alimentação, sem uma alimentação adequada não espere muitos resultados, principalmente se o objetivo é emagrecimento.

Ahhh, mas eu me alimento bem, e nada….. Bom aí eu tenho a solução! REGULARIDADE.

treino 1

Gente, ser “atleta” de final de semana, não vai te beneficiar quando o assunto é emagrecer, ou então correr 5km sem parar. Qualquer atividade, lógico, que é benéfica, mas se você espera mais do que prazer, pratique com regularidade!

Quando queremos emagrecer procuramos as atividades com mais gastos calóricos, eu sei, não mintam pra mim! Daí qual é a atividade escolhida? Na maioria das vezes é a corrida! Só que a corrida se não for praticada com regularidade não vai te ajudar, a musculação se não for praticada com regularidade, não vai “criar” músculos, e por aí vai!

Isso sem dizer que muita gente não gosta de correr. E isso não é errado ou feio. A corrida é um esporte meio solitário, e mesmo que você tenha um grupo correndo contigo, vai chegar o momento que você terá que treinar sozinho, e daí muita gente abandona. Sem dizer que, vamos ser sinceros, é desagradável muitas vezes sair pra correr no frio, com vento, ou naquele calor maravilhoso pra estar na piscina! Eu gosto, ou melhor, eu amo isso, mas tem gente que não gosta!

Da mesma forma, por exemplo, a musculação, tem gente que ama ir lá, fazer um leg press, agachamento livre, supino, remada, se acabam levantando peso, e amam aquele ambiente! Eu, sinceramente, não gosto muito, prefiro mil vezes correr! Claro que faço musculação voltada para a corrida, única e exclusivamente para o fortalecimento muscular, mas não gosto!

treino3

 

Ou quem sabe nadar, eu adoro, ficar dentro da piscina, dando voltas e voltas, contando azulejos, a água relaxante (apesar de estar muitas vezes fazendo voltas rápidas), você não escuta nada, só tua cabeça! Bom pra pensar, então, tem gente que vai detestar! E o futebol, os cara amam!!!!!!!!!! E aí, você gosta????

Conseguem entender o que quero dizer?

trein

Por isso, antes de começar QUALQUER atividade, escolha ela por prazer! Sim, PRAZER! Faça algo que você goste, que te dê prazer, e se isso gastar a metade das calorias que a corrida gasta, não fique preocupado, porque se você praticar aquela atividade, você vai ter resultados, porque você terá regularidade! Você terá prazer em sair de casa para ir lá, seja dançar, malhar, ir ao funcional, Pilates, natação, jiu-jitsu, icheeee tem muita coisa legal aí!

E quanto àqueles que querem correr 5km sem parar, querem baixar o tempo nos 5km, só digo uma coisa: TREINEM! Não adianta correr um mês e parar dois, correr dois dias e ficar uma semana comendo, estabeleça a meta, programe e periodize com ajuda do teu Educador Físico teus treinos, quantas vezes por semana, tipo de treino, e eu garanto que você terá resultados!

Além de praticar com regularidade a atividade física, sabemos que chega uma hora que parece que a gente não emagrece mais, nem correndo duas maratonas por semana ahahahahahaha…. Bom, aí é hora de fazer ajustes na dieta primeiro, tem que saber se algo está faltando! E depois ajustar a atividade física que você pratica! Ajustar muitas vezes a intensidade!

Neste momento é que podemos pensar em você praticar algo com mais gasto calórico, ou intensificar a atividade que você pratica, mas daí você já estará se exercitando com regularidade, teu corpo já estará acostumado, você já vai sentir falta de se movimentar, então neste momento será fácil colocar uma atividade extra, intensificar o próprio treino da atividade que você pratica, ou até inserir uns treinos de corrida!

E mais, se a atividade secundária trouxer benefícios àquela principal, tenho certeza que você vai praticar ela com regularidade também, e aí “pimba”….. você será mega feliz hahhahahahahahaha. Digo isso até por experiência própria, porque eu não gosto de musculação, nunca gostei, mas ela é necessária para a corrida, então fui lá fazer, quando vi resultado, me apaixonei…. é que sou daquelas vendidas sabe haahhahaahhaha, então, tenho me apaixonado pela musculação porque aprendi a tirar dela exatamente o que preciso para correr, então ela já está nas minhas programações, e não deixo de ir a nenhum treino!

Bom, agora que você já entendeu meu recado, sai desse celular, desse computador, e vai se movimentar, aproveita para começar, não existe falta de tempo, de dinheiro, pra se movimentar basta estar vivo, você está né??? Não sou Chico Xavier….hahhahahahaahha

Então vai lá, se não sabe do que gosta ainda, eu acho que todas as academias, não só na musculação, mas nas outras modalidades, permitem aula experimental, vai descobrir algo que você goste, e depois só seguir o baile! Quanto ao tempo, posso dizer que existem treinos de 30 min aí na cidade, por exemplo, de HIIT (um treino de alta intensidade, vais ter que pesquisar hihihihi), então não há desculpas!

Pense mais em você, na sua saúde, no seu bem-estar, porque se não estiver bem consigo mesmo não estará bem em casa, com marido/esposa, filhos, pais, etc., e muito menos no trabalho, porque muitas vezes a indisposição, irritação, cansaço são falta de atividade, é o tal de sedentarismo.

Aliás, não me diga de novo: não tenho tempo! DOMINE O TEMPO, e pare com as desculpas esfarrapadas!!!

Ahhhhh, e pra quem curtiu, deixa seu comentário aí, e aproveita pra se inscrever na nossa newsletter pra acompanhar tudo que rola por aqui!!!!!!!!!!!!!!!

Desejo uma ótima semana, não apenas com muita corrida, mas também com muita musculação, pilates, dança, jiu-jitsu, HIIT, futebol, vôlei ……. uma semana movimentada aí pra você!!!!!!!!!!!!!!! Beijinhos e até a próxima!

 

Postado por

Débora Fernandes

Atividade Física

Corrida = 33ª Maratona Internacional de Porto Alegre

20.06.2016

A vida que segue após mais uma Meia Maratona (agora descongelada)!

OIEEEEE!!!!!!!!!!!! Hoje um “oi” caloroso, depois da friaca de Porto Alegre no final de semana passado, quando eu estava congelada até hoje ahhahhaahahahahah!

Domingo passado, no dia dos namorados, eu e o maridão comemoramos o dia na 33ª Maratona Internacional de Porto Alegre, onde participei da meia maratona, a mais gelada que já participei.

Eu não corri a maratona, pois acredito que para completa-la devo estar mais preparada, não só psicologicamente, mas também fisicamente, pois tenho grandes pretensões com ela hahahahaah. Por isso, corri mais uma Meia Maratona (21,095km), sem muitas ambições, pois em razão da última lesão, estamos bem cautelosos em relação aos treinos e às provas!

Tudo isso porque venho aprendendo a correr, pois não tenho mais o objetivo de colecionar medalhas, mas sim correr com qualidade. Pensa bem, você quer correr por quanto tempo? Eu quero correr uma vida, então minhas participações em provas são bem programadas, e claro que os treinos também.

Decidi correr a meia por saber que tinha capacidade de completa-la de forma segura, mas também sabia que não poderia exigir um tempo recorde, porque não estava preparada para isso!

Porém, me surpreendi bastante, pois completei a prova sem forçar, em um ótimo tempo e o que é melhor, sem sentir NADA, nenhum tipo de “alerta de lesão”, hahahahah, o que me qualifica para dar um próximo passo nos treinos. Vou contar como foi então!

capa maratona

Jaque Vargas e seu marido Alex Fontoura.

 

Chegamos em POA no sábado, e fomos direto na entrega dos kits para pegá-lo! Na hora que cheguei peguei um fila razoável, que foi bem rápida até, mas o pessoal comentava que mais cedo a demora na fila era de aproximadamente duas horas… gente, vocês têm noção disso?

Eram muitas pessoas inscritas, e apesar da prova contemplar todas as distâncias (maratoninha infantil, 3km, 5km, 10km, 21km e 42km), sabíamos que qualquer das distâncias seria bem disputada.

No domingo, a prova tinha largada, para mim, as 7h, então as 5h já era hora de levantar para se organizar! Já de pé, porque quando é pra correr pulo da cama rapidinho, do contrário, parece tão difícil levantar hahahahaahah, comecei a me organizar, e daí vem a dificuldade de decidir: corro de short ou de calça térmica? Sabe o porquê da indecisão? Estava muito frio…. pra mim pelo menos estava pra matar! Meu celular indicava 4⁰C, e na rua estava muitoooo gelado!

PicMonkey Collage

 

Fui de calça, não me animei a colocar as pernocas de fora. Chegamos na largada de noite ainda, hahahaha, coloquei um casaco de lã da Juju (minha filha) que estava pra doação, na intenção de manter-me aquecida na largada, para depois nos primeiros quilômetros poder descarta-lo, e seguir em frente. O problema é que passaram-se os 21km e não deu vontade de abandoná-lo não!

Corri “feia” mesmo, com o casaquinho meio que de vovó até a chegada, e cheguei tão concentrada que esqueci de tirá-lo pra foto, então imagina que linda que elas ficaram?!hahahaahah Porém independente da feiura, corri quentinha me sentindo bem!

Durante o percurso a gente vê de tudo, pessoas de todos os jeitos correndo, e percebe o quanto a corrida é democrática, o quanto ela traz bem-estar e saúde para quem pratica!

Tinha gente enroupada como eu, tinha meninas de top e short, SIM, com aquele frio, e ainda fazendo bonito! Tinha gente mais velha e mais nova, mais pesada ou menos, mas sabe o que é legal? Todo mundo feliz 😀 , o que todos ali queriam era se superar, essa era a meta!

Completei a meia maratona, e na linha de chegada, apesar do casaquinho, hahahahhah, comemorei, porque sabia que estava bem, que posso intensificar os treinos, que posso treinar mais!!!!!!!!!!!

chegada

 

Vale aqui eu contar que o marido merece um grandeee agradecimento, 😍 porque ele estava ali, comemorando o Dia dos Namorados passando frio👫, porque se correndo estava frio, imagina parado na rua??? Pois é, estava ali, me aguardando, ansioso para ver como eu chegaria, que tempo eu faria, e lógico que quando eu cheguei ele correu para me abraçar! Não há amor maior né gente? Então aproveito para agradecer a ele todo esse amor e dizer que amo ele muitão! ❤💚💜💙💛

Bueno, completada a prova, é hora de voltar, e a vontade de colocar o tênis e correr de novo é enorme, mas descanso é descanso! Então na segunda-feira meu treino foi colocar os pés pra cima ahahhahahahah! Lembra bem da matéria anterior, né? Não😱?? Então clique AQUI por favor, e dê uma conferida 😉

Por estar congelada ainda, não saiu matéria aqui no Blog, e então hoje eu vim falar rapidamente depois desse monólogo, sobre a vida após a meia maratona, como se recuperar, para poder retornar com tudo aos treinos!

Então, independente se você é estreante ou veterano o descanso é tão importante quanto o treinamento. Já falamos disso! E, SIM, eu já corri meia maratona, treinando no dia seguinte razoavelmente forte, competindo no final de semana seguinte.

Pois é, não foi muito legal, meu “corpicho” não gostou muito disso tudo, e resolveu falhar…hahahhahahah E muitas vezes não foi só lesão não gente, algumas vezes foi até um forte resfriado, etc., porque quem não vive do esporte como eu sabe que temos trabalho, família, vida social, não podemos nos dar ao luxo de PARAR.

Então agora, pós prova, eu cuido da recuperação antes de pegar pesado nos treinos! Depois dessa meia, na segunda fiz descanso absoluto, e voltei na terça com um descanso ativo! Conforme foram passando os dias voltamos a intensificar os treinos, com calma e uma boa programação.

O indicado pelos especialistas vai do descanso absoluto ao descanso ativo com atividades secundárias leves e sem impacto como natação, yoga, etc. Também indicam um trote leve, LEVE, tenho que grifar assim porque se forem como eu não vão fazer leve, hahahahah.

Após competição, ou até após aquele treino forte, respeite seu corpo. Se você não está se sentindo bem, não se empurre no treino, não foque no volume, esquecendo os limites do teu corpo.

Até porque ao não cumprir o treino e se “empurrar”, você não estará treinando, mas sim acumulando cansaço, e qual o sentido disso? Pois é, nenhum!

Então se não se recuperou bem ainda, descanse, e se esse descanso ultrapassar um dia, ou dois, não fique “bolado”, te garanto que você não perderá tudo que conquistou, pelo contrário terá mais ganhos do que se arrastar no treino.

Então o que posso dizer: ESTOU DE VOLTA! E o que é melhor: INTEIRA! Pronta pra outra!

Aliás, sabe quem se fez presente na 33ª Maratona Internacional de Porto Alegre? Ele mesmo, Vanderlei Cordeiro de Lima , que nos Jogos Olímpicos de 2004, quando liderava a maratona um manifestante irlandês o agarrou. Agora que tirei foto com ele, tenho certeza que vou começar a voar!hahahahaaha

medalha

Jaque Vargas e Vanderlei Cordeiro

Semana que vem prometo não congelar, terá matéria nova e bem legal! Quem tiver sugestões escreve aí que eu vou adorar!

Desejo uma ótima semana congelante e corrida ahhahaahhaha, tá, uma semana com muita corrida para esquentar, e até a próxima!!!!!!!!!!!!!!!

Ah, temos um grupo no face (Divã da vida saudável) que trata sobre Boa Forma, vai lá!! É só clicar AQUI 😉😍😘

 

Postado por

Débora Fernandes